12-12-2

Câmara Municipal realiza reunião para debater reforma do Parque das Hortênsias

A Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou nesta sexta-feira, dia 14, a primeira reunião aberta do ano. O tema abordado durante o encontro foi a reforma do Parque das Hortênsias. O Secretário de cultura e turismo, Laércio Lopes, participou da reunião e deu detalhes do Termo de Ajustamento de Conduta assinado entre a prefeitura e o Ministério Público.

Os vereadores Ronaldo Onishi, Marco Porta, Carlinhos do Leme e Cido participaram da reunião, que foi aberta para a participação da imprensa e do público. O secretário Laércio Lopes apresentou o projeto de reforma e respondeu as perguntas dos parlamentares e da imprensa. “Acho que foi uma reunião muito positiva, pudemos expor as mudanças que serão feitas no Parque”.
Laércio Lopes disse que as condições do Parque das Hortênsias não são boas há anos, mas em nenhum momento houve maus tratos dos animais. “Nós temos um zoológico envelhecido, assim como nós, os animais também envelhecem. Temos animais que estão no Parque desde 1985. Infelizmente os animais morrem, como em todos os zoológicos. Nos grandes zoológicos, o animal morre e eles substituem rapidamente, ninguém nem percebe”.
O presidente da Comissão, Ronaldo Onishi, destacou que o Parque irá ganhar outras utilidades voltadas para o Meio Ambiente. “Teremos salas para educação ambiental e palestras, isso é muito bom. O Zoológico continua existindo, muito mais moderno e queremos que dê segurança para seus usuários e para os funcionários. Mas, acima de tudo, que dê boas condições para que os animais possam estar ali com qualidade de vida”.

O vereador Marco Porta lembrou que a má conservação do parque é um problema que se arrasta há anos. “Na gestão passada, o Parque das Hortênsias teve muitos problemas, as condições dele foi tema de matéria do CQC, Taboão até virou motivo de chacota. E agora vemos que está melhorando, a prefeitura vai transformar em um dos zoológicos mais modernos do Estado de São Paulo. Tenho que parabenizar o esforço do prefeito Fernando Fernandes e o trabalho do vice-prefeito a frente da secretaria”.
Segundo o vereador Carlinhos do Leme, a reunião foi muito boa. “Ficou claro que no ano passado, mesmo sem a reforma, os animais não foram mal tratados, apenas não tinha verba para a reforma, as prioridades eram outras. Mas agora esse reforma nos dá a condição te ter um parque e um zoológico que atendam as necessidades dos moradores que buscam uma área de lazer”.
Para o vereador Cido, a reforma do parque é necessária e estava programada pela administração. “Uma característica do prefeito Fernando Fernandes é ter coragem de ir até o fim com seus compromissos. Dentro do tempo da administração, está reformando o Parque das Hortênsias, e não porque estão falando tanta besteira no Facebook, mas porque estava no seu plano de governo”.
Transferência

Laércio Lopes informou que a prefeitura pediu a transferência de três animais do Parque. “A leoa está muito sozinha desde a morte do seu companheiro, o pavão sofre de reumatismo, está velhinho e precisa de um lugar mais adequado e pedimos a transferência de um gavião, que não é do Parque, foi deixado lá, com um olho furado e sem uma pata, ele já foi tratado e deve ser transferido para um santuário”.
De acordo com Laércio Lopes, os pedidos de transferência foram encaminhados para o Departamento de Fauna do Governo do Estado, responsável pela transferência. “Pedimos ao DeFau, que está procurando um local para abrigar esses três animais, só podemos fazer isso através deles”.
Leão encontrado morto
O presidente da Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal, Ronaldo Onishi, irá enviar um ofício na próxima semana pedindo que a polícia encaminhe um laudo sobe o leão encontrado morto em um terreno baldio do Jd. Record. “Não queremos que reste nenhuma dúvida que o animal não era do Parque das Hortênsias”.

social position